COLÁGENO E OS BENEFÍCIOS PARA PELE

Maria da Conceição Matos Germano, Jadson Demétrios Dantas Peixoto, Jamilly Lorrany dos Santos Lima, Cinara Vidal Pessoa

Resumo


O colágeno é a proteína mais abundante do organismo animal, representando cerca de 25% a 30% de toda proteína corporal. É considerado uma proteína chave, responsável pela integridade dos ossos, cartilagens, elasticidade e regeneração da pele, estruturas dos vasos sanguíneos. O colágeno é encontrado nos tecidos conjuntivos do corpo, porém, com o início da fase adulta, a deficiência de colágeno começa a ser notada, pois o organismo diminui sua produção, sendo necessária a suplementação a base de colágeno hidrolisado. Houve um aumento no interesse pela aplicação industrial de colágeno em suplementos alimentares e em produtos alimentícios. Esses alimentos adicionados de colágeno podem ser utilizados para vários fins. O objetivo desse trabalho é abordar alguns benefícios do colágeno para a saúde da pele. Realizou-se um estudo bibliográfico do tipo exploratório-descritivo, utilizando-se os bancos de dados: Scientific Library on Line (SciELO), Portal de revistas da saúde - SES e Google acadêmico, com palavras-chaves mediante consulta aos Descritores em Ciências da Saúde (DeCS) da Bireme: Colágeno. Envelhecimento da pele. Propriedade terapêutica. O estudo foi composto por três artigos em português e duas dissertações, entre os anos de 2005 a 2015. Foi possível observar que a ingestão de colágeno hidrolisado pode aumentar a produção de colágeno pelos fibroblastos e retardar o envelhecimento da pele, melhorando sua elasticidade e firmeza e prevenção de doenças. As pesquisas mostraram que a suplementação de colágeno em alimentos tem demonstrado resultados promissores. Ingerir o colágeno é uma alternativa prática para retardar o aparecimento de sinais da maturidade. 


Texto completo:

PDF


ISSN: 2358-9124

© Unicatólica. Todos os direitos reservados.

Este sistema é mantido pelo Núcleo Educacional de Apoio Digital.