ESTRIAS: UMA ABORGADEM TERAPÊUTICA

Ruan Alves Cavalcante, Anne Karine Sousa Nobrega, Glaucia Maria Nogueira Cunha, Jeimes Lennon Lopes Cândido, Francisco Eugênio Maia de Souza, Cinara Vidal Pessoa

Resumo


As estrias são definidas como um processo degenerativo da pele adquirida devido ao rompimento de fibras elásticas e colágenas, a princípio avermelhadas, depois esbranquiçadas e abrilhantadas (nacaradas), a coloração varia de acordo com sua fase evolutiva. Há evidências que o seu aparecimento seja multifatorial, não somente fatores mecânicos e endocrinológicos, mas também predisposição genética e familiar, levando ao desequilíbrio das estruturas que compõem o tecido conjuntivo. Surgem principalmente nas coxas, nádegas, abdômen, mamas e dorso do tronco.

Texto completo:

PDF


ISSN: 2358-9124

© Unicatólica. Todos os direitos reservados.

Este sistema é mantido pelo Núcleo Educacional de Apoio Digital.