VERIFICAÇÃO DO ENTENDIMENTO TEÓRICO/PRÁTICO DOS ALUNOS DO CURSO DE PSICOLOGIA DA UNICATÓLICA SOBRE OS INSTRUMENTOS PSICOMÉTRICOS

Jânder Carlos Soares Silva, Mércia Capistrano Oliveira

Resumo


Este trabalho se constitui numa produção cientifica como parte integrante das atividades de monitoria do Centro Universitário Católica de Quixadá e tem por objetivo central verificar o entendimento teórico/prático de alunos do curso de psicologia da instituição sobre os instrumentos psicométricos após a conclusão da disciplina de técnicas psicométricas. Atualmente existem posturas críticas que abominam os testes psicométricos e que se dão, muitas das vezes, por uma má compreensão da construção e uso destes instrumentos. Muitos problemas na área da avaliação psicométrica podem estar relacionados ao tipo de informação que o aluno recebe durante o curso, qualidade do ensino, conhecimento teórico do professor e número de disciplinas da área. Partindo disso, após levantamento bibliográfico do assunto teste e sua aplicação prática, construção histórica e ensino da área no Brasil, elaborar-se-á uma entrevista estruturada de cunho qualitativo que será realizada com alunos do 5°semestre do curso de psicologia, aprovados na disciplina em questão, no fim do semestre, para posterior levantamento e compilação de dados. O trabalho será efetivamente concluído com a análise interpretativa dos resultados obtidos, subdivididos em categorias de análise. Espera-se, por meio dos dados coletados, fazer um diagnóstico situacional do ensino das técnicas psicométricas e verificação das competências exigidas para um profissional graduado em psicologia. Após conclusão do trabalho, pretende-se divulgar às instancias acadêmicas os resultados obtidos, como medida de avaliação e aprimoramento das abordagens e metodologias de ensino desse conteúdo.


Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, Irai Cristina Boccato; ALCHIERI, João Carlos; MARQUES, Keila Cristina. As técnicas de exame psicológico ensinadas nos cursos de graduação de acordo com os professores. Psico-USF, v. 7, n. 1, p. 77-88, 2002.

ANASTASI, Anne; URBINA, Susana. Testagem psicológica. Artmed, 2000.

Ancona-Lopez, M. (1987). Avaliação da inteligência I. São Paulo: E.P.U.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

NORONHA, Ana Paula Porto et al. Conhecimento de estudantes a respeito de conceitos de avaliação psicológica. Psicologia em Estudo, v. 9, n. 2, p. 263-269, 2004.

NORONHA, Ana Paula Porto. Os problemas mais graves e mais frequentes no uso dos testes psicológicos. Psicologia: reflexão e crítica, v. 15, n. 1, p. 135-142, 2002.

NUNES, Maiana Farias Oliveira et al. Diretrizes para o ensino de avaliação psicológica. Avaliação Psicológica, v. 11, n. 2, p. 309-316, 2012.

PACHECO, A. L. P. B. TAKAHASHI, F. Avaliação Psicológica e sua Instrumentalização na Formação do Psicólogo. Programa e Pôsteres. In: CONGRESSO NACIONAL DE AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA, 08., v. 42, 1999.

SBARDELINI, E. T. B. Os mitos que envolvem os testes psicológicos. Documenta CRP-08, v. 1, n. 1, p. 53-57, 1991.

SORIANO, Raúl Rojas. Manual de pesquisa social. Tradução Ricardo Rosenbusch. Petropólis-RJ: Vozes, 2004.




ISSN: 2446-6042

© Unicatólica. Todos os direitos reservados.

Este sistema é mantido pelo Núcleo Educacional de Apoio Digital.