EXERCICIO FISICO NA CAPACIDADE FUNCIONAL DOS IDOSOS

Francisco Jeci de Holanda, José Elielton da Silva Pereira, Rubens Vinicius Letieri

Resumo


O exercício físico, pode não representar necessariamente uma fonte da juventude, mas estudos científicos têm demonstrado os benefícios da prática regular de exercício físico, na prevenção primária e secundária de doenças cardiovasculares, neuromusculares e sócio afetiva, determinando a melhora da capacidade funcional e laborativa do idoso e até mesmo de se evitar a instalação, progressão ou correção de possíveis disfunções que acabam por incapacitá-lo, ou seja, a prática regular de exercício físico retarda o declínio na capacidade funcional associado ao envelhecimento.


Texto completo:

PDF


ISSN: 2446-6042

© Unicatólica. Todos os direitos reservados.

Este sistema é mantido pelo Núcleo Educacional de Apoio Digital.